quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Resultado da enquete!!!!!!!!!!

WILLIAM CAREY - O PAI DAS MISSÕES MODERNAS
 
David Pinto, 2011-01-08
William Carey O Pai das Missões Modernas

Ministro do Evangelho, evangelista, missionário. Pregador reconhecido na sua era, diz-se de Carey que não era dotado de inteligência superior, nem de qualquer dom que deslumbrasse os homens, mas foram a sua grande persistência e fé que o levaram a chegar onde chegou.
Filho de tecelões, nasceu a 17 de Agosto de 1761 e era o mais velho de cinco irmãos. Desde cedo foi educado na Igreja da Inglaterra, onde o pai era sacristão e o avô professor. Naturalmente curioso, era interessado em ciências naturais, especialmente botânica. Possuía um dom natural para as línguas, tendo aprendido latim e grego praticamente sozinho.
Com 14 anos, a sua vida começou a mudar. O pai levou-o para ser aprendiz com um sapateiro na aldeia vizinha de Hackleton, Northamptonshire. O seu mestre, Clarke Nichols, impunha-lhe a religião vigente. Seria um outro colega aprendiz, John Warr, que o levaria à dissidência. Através da influência de Warr, Carey acabaria por deixar a Igreja Anglicana e juntar-se a outros dissidentes para formarem uma pequena igreja baptista. Mas não tinha sido apenas um acto de rebeldia, Carey nascera de novo. Entretanto, casou com Dorothy Plackett em 1781 e teve seis filhos, três dos quais faleceram durante a infância.
No ano de 1775, foi atingido pelo avivamento trazido pelas mensagens de John Wesley e George Whitefield. Apesar de ter sido baptizado em criança na igreja anglicana, William Carey sentiu a necessidade de confessar a sua fé publicamente. Sendo assim, foi baptizado nas águas no dia 5 de Outubro de 1783, pelo pastor John Ryland. Sem estudos, foi auto-didacta e ainda aprendeu hebraico, italiano, francês e holandês, além de diversas ciências.
Assim, aos poucos, entendeu que o mundo era bem maior que as Ilhas Britânicas e sentiu a perdição de uma humanidade sem um Salvador. Em 1787, foi consagrado evangelista e começou a pregar sobre a necessidade missionária no mundo. Como os membros de sua congregação eram pobres, Carey teve por necessidade continuar a exercer a função de sapateiro para ganhar o seu sustento. Foi também um dos fundadores da Sociedade Baptista Missionária nos Estados Unidos.
Conta-se que na sua pequena oficina de sapataria pendurou um mapa do mundo feito pelas suas próprias mãos. Neste mapa, incluíra todas as informações disponíveis acerca de um determinado país: população, flora, fauna, características dos indígenas, etc. Enquanto trabalhava, olhava para ele, orava, sonhava e agia.
A 13 de Junho de 1793, partiu para a Índia para nunca mais voltar. Como missionário na colónia dinamarquesa de Serampore, evangelizou e fundou escolas. Traduziu a Bíblia para o bengali, sânscrito, e inúmeras outras línguas e dialectos, num total de 44. Fundou 26 igrejas, 126 escolas com mais de 10.000 alunos.
Para além do evangelismo, foi também responsável por inúmeras iniciativas sociais: organizou a primeira missão médica na Índia, seminários, escolas para meninas, e um jornal na língua Bengali. Em 1800, William Carey fez o baptismo do primeiro hindu convertido ao Evangelho. Fundou também o Serampore College para ensinar os obreiros.
Esteve 41 anos na Índia, onde morreu a 9 de Junho de 1834, com 73 anos.
Apesar de não ter tido educação em criança, foi um dos homens mais eruditos do seu tempo. As suas gramáticas e dicionários são usados ainda hoje.

David Pinto
Jornalista - Porto

Bibliografia: Orlando Boyer: Heróis da Fé, CPAD, 1994; John Clark Marshman: The Life and Times of Carey, London, 1859; Wikipedia.

* Sendo que a enquete teve o seguinte resultado:
              2 votos:                     


Guilherme W. Carey
1 (50%) resposta certa
 
João Calvino 1 (50%)

participem das enquetes!!!!!!! A paz no senhor

Nenhum comentário:

Postar um comentário